Fab Lab Newton bate recorde de projetos em 2017/1

13 de Junho de 2017, 11h27

 rui5252

O Fab Lab Newton bateu recorde no primeiro semestre de 2017! Foram mil projetos desde o começo do ano, dobro da meta estipulada para 2016 inteiro.

Isso mostra que os alunos perceberam a importância e potencial do laboratório, disponível para qualquer curso. Lá, é possível criar, discutir ideias com pessoas de várias áreas, aprender e ainda se conectar com outros Fab Labs espalhados pelo mundo inteiro. Atualmente, são mais de 600 espaços voltados para a inovação!

Carla Queiroga Werkhaizer, nossa Fab Manager, ressalta como conseguimos "quebrar o gelo" e mostrar, aos poucos, o que é o Fab Lab e como pode ser aproveitado pelos estudantes. "Ao aprender na prática, eles aprendem também que o erro faz parte do processo, que co-criar é melhor do que fazer sozinho, e que estar conectado com o que outros Fab Labs estão produzindo pode ajudar muito no desenvolvimento de algum projeto por aqui", explica.

A Newton gostaria de comunicar que dois protótipos executados recentemente foram selecionados para o FAB13 (Conferência Internacional de Fabricação Digital): a cadeira Biza, vencedora de renomado prêmio em Stanford, e o Renossonic Plus, equipamento de ressonância magnética portátil. Parabéns por mais essa conquista!

Confira a seguir os projetos de destaque de 2017:

- Chuveiro: executado por um senhor que frequentou o Fab Lab durante o Open Day. Foram seis semanas de execução. O projeto consiste em um chuveiro projetado por ele e prototipado na impressora 3D. Ele foi projetado para resolver um problema de instabilidade de aquecimento na área rural.

- Extrator: desenvolvido por alunos de Odontologia como projeto aplicado. Foi projetado um extrator de agulhas para resolver o problema do risco de lesão nas mãos, no manejamento de agulhas de anestesias e cirurgias no momento do descarte. Foi prototipado com impressão 3D.

- Drone: desenvolvido pelos alunos de Engenharia Mecânica como TCC. É um veículo para localizar vítimas em locais pantanosos ou de difícil acesso. Foi todo impresso em 3D e os motores com controle remoto foram desenvolvidos com instrumentos de eletrônica.

- Seringa de resina: desenvolvido pelos alunos de Odontologia. Todo projetado em impressão 3D. Foi desenvolvido para reduzir o risco de contaminação da resina de restauração dental, alterando o formato do produto para pastilhas com pequena quantidade da resina.

- Mobiliario urbano modular: desenvolvido por arquitetos que frequentaram o Fab Lab durante os Open Days. Foram três dias de execução. O protótipo consiste em um banco desenvolvido de forma modular, que aumenta ou diminui de tamanho, adaptando-se ao espaço. Foi todo desenvolvido na Fresadora CNC, em madeira.


Serviços Online

fechar