Bom relacionamento ajuda no desempenho e motivação no trabalho

20 de Novembro de 2018, 11h28

Bom relacionamento ajuda no desempenho e motiva%c3%a7%c3%a3o no trabalho

Pesquisa realizada pela Catho Online, com participação de 46.067 pessoas, afirma que o bom relacionamento no trabalho é o principal fator de motivação, seguidos por reconhecimento como bom profissional e fazer o que gosta. Para ter um desempenho adequado e atingir bons resultados, os profissionais precisam estar motivados e felizes com o trabalho que realizam.  Ainda de acordo com o estudo, quando se trata dos níveis hierárquicos, os profissionais mais motivados com a carreira e satisfeitos com o trabalho são diretores e gerentes, mesmo alegando sofrerem estresse.

Segundo Sheila Saubermann, gerente de Recursos Humanos da Nasajon Sistemas, empresa desenvolvedora de software de gestão integrada com o foco no desenvolvimento de empresas, é importante destacar que outros fatores, como remuneração e benefícios, também são importantes. “Em primeiro lugar, a empresa precisa acreditar que um bom ambiente de trabalho é importante e, a partir daí, começar a se preocupar com diversas questões, como flexibilidade, respeito às pessoas e investimento nos funcionários. Além disso, trabalhar com pessoas que tornam a rotina das empresas mais agradável é sempre positivo. Como grande parte dos profissionais passam de oito a dez horas dentro das organizações, nada mais adequado do que prezar o bom relacionamento, seja entre os colaboradores ou até mesmo entre profissional e gestor, tornando esse período mais tranquilo”, explica.

Rede de contatos

Trabalhar em um local harmonioso, onde os colaboradores sintam-se bem, é o mundo ideal de qualquer empresa, pois os funcionários são representantes da empresa para os seus clientes, tendo grande importância no sucesso da organização. Mas não podemos esquecer que os relacionamentos ultrapassam o bem-estar no contexto produtivo, estando, também, ligados diretamente ao networking e à construção de uma boa reputação no ambiente de trabalho.

De acordo com José Roberto Marques, em artigo publicado no site do Instituto Brasileiro de Coaching (IBC), o networking é uma poderosa ferramenta, tanto para quem quer entrar no mercado de trabalho quanto para quem deseja avançar na empresa na qual já trabalha. Quando bem administrado, pode te ajudar em diversas áreas. Portanto, deve-se estar atento ao cuidado para manter seus relacionamentos.

“Um erro muito comum é o de só se preocupar com o networking apenas quando precisa usá-lo. Atitudes assim podem acarretar efeitos negativos, pois pode soar como falsa a aproximação. É necessário criar vínculos profissionais desde a formação acadêmica. Palestras, reuniões e conferências são ótimos meios de conhecer pessoas interessantes, assim como eventos sociais, esportivos e culturais. A rede deve ser construída de forma natural”, pontua o profissional.

Não tenha vergonha de se relacionar

Para Tiago Mavichian, Diretor de Recursos Humanos na Companhia de Estágios Human Resources, como o objetivo principal do networking é estabelecer proximidade com outras pessoas, é importante não ter vergonha de iniciar conversas com desconhecidos, seja a pessoa introvertida ou extrovertida. “Os profissionais devem superar o medo da rejeição e pensar que, se der cert,o seu leque de chances de oportunidade aumentará, mas se não der, valeu a experiência. Afinal, o ‘não’ você já tem, então não custa nada tentar conversar com alguém e quebrar barreiras”, explica. “Também é importante saber que, na maioria das vezes, você vai se surpreender com o resultado positivo que sua abordagem pode gerar. O que vale é ser sempre respeitoso, conveniente e, claro, simpático”, destaca.

 

 

Últimas notícias da categoria De olho na carreira

De olho na carreira
16/10/2019
Istock 1141565656

Como organizar a sua rotina de estudos?

Receba novidades sobre Carreiras

Serviços Online

fechar